Imprensa

|

Notícias

28/04

500 MIL MÁSCARAS FORAM PRODUZIDAS NA CENTRAL DE CAD E CORTE NO MÊS DE ABRIL.

Desde a retomada das atividades da Central de CAD e Corte, permitida por Decreto Municipal, foram cortadas 500 mil máscaras para mais de 10 empresas associadas ao Polo de Moda.

COMPARTILHAR:

Desde a retomada das atividades da Central de CAD e Corte, permitida por Decreto Municipal, foram cortadas 500 mil máscaras para mais de 10 empresas associadas ao Polo de Moda.

A Central de CAD e Corte do Polo de Moda é primeiro complexo do Rio Grande do Sul, que iniciou as atividades em março de 2018, com o firme propósito de permitir o acesso à tecnologia de ponta, através de uma sala de corte completa e de alta tecnologia, permitindo assim o acesso compartilhado ao setor da Moda na Serra Gaúcha.

 O ano de 2019 foi intenso na Central Coletiva de CAD - Criação Assistida por Computador - e Corte do APL Pólo de Moda. No ano de 2019 a Central atendeu 468 empresas, 1.500 horas máquina de trabalho e mais de 270 mil peças cortadas.

O ano de 2020 se iniciou com forte atuação das empresas junto a Central, porém fomos acometidos pela paralização de todas as atividades com a pandemia do Corona vírus, As empresas associadas buscaram alternativas em suas linhas de produções, adequando-as para a produção de máscaras e demais itens têxteis para o setor da saúde e da sociedade em geral.

O Polo de Moda, através da Central de Cad e Corte, permitiu que estas empresas tivessem acesso para esta adequação de mercado e do momento da economia e da saúde.

Para Márcia Goulart de Campos, diretora da Fidúcia Industria de Uniformes que está a 18 anos no mercado de uniformes, a participação junto ao Polo de Moda e a a utilização d Central de Cad e Corte foi fundamental neste momento: “Durante esse período de instabilidade,  o Polo de Modas tem sido essencial para continuidade das atividades da nossa empresa. Por estarmos com equipe reduzida, em função do decreto municipal, a parceria com o Polo nos garante agilidade e qualidade de serviço. As meninas sempre incansáveis no atendimento e no cuidado com o serviço prestado. O rápido serviço do Polo, nos propicio a retomada rápida, pós parada de quase 20 dias em nossa jornada de trabalho.”

A Central pode operar 24 horas por dia, com média de 10 mil a 15 mil peças/dia. Além das atividades de corte, o Polo de Moda também oferece atividades de digitalização de moldes, encaixe e plotagem.

A Central Coletiva possui máquina de corte automatizado com sucção, mesa de enfesto com 13 metros de comprimento, máquina de enfesto de tecido automática, plotter de 2,20 metros, plotter de corte e risco, sistema de modelagem Weltcad e mesa digitalizadora com precisão para digitalização de moldes. No complexo, é possível cortar todos os tipos de tecidos, inclusive não tecidos com avaliação da área técnica do Pólo de Moda. A Central está localizada no bairro Cidade Nova, junto ao APL Pólo de Moda.

 

Fonte: Pólo de Moda

Foto: Perphoto




Fonte: Fonte: Pólo de Moda Foto: Perphoto